Preços do açúcar fecham a semana em baixa; agosto desvalorizou 2,13% em SP

Você está aqui:
Ján Messaros, SXC Ján Messaros, SXC

01/09/2014

Os preços do açúcar fecharam a última semana em baixa em todos os mercados. Em Nova York, no vencimento outubro/14, o açúcar foi negociado na sexta-feira (29 de agosto) a 15,49 centavos de dólar por libra-peso, baixa de 8 pontos no comparativo com a véspera.

Em Londres, no mesmo vencimento, o açúcar fechou desvalorizado em 2,80 dólares com negócios firmados em US$ 423,10 a tonelada. Nos demais vencimentos a commodity também fechou em queda na bolsa londrina.

Nas usinas paulistas, o açúcar também fechou a semana em baixa, com negócios firmados em R$ 45,11 a saca de 50 quilos do tipo cristal, desvalorização de 0,57% no comparativo com a véspera. No mês de agosto, a desvalorização do açúcar somou 2,13%.

Em análise intitulada "Mudança no cenário político pode favorecer o setor", o economista Arnaldo Luiz Corrêa, da Archer Consulting, destacou: "a pergunta que todos fazem é se chegou a hora de comprar açúcar em NY. Ou seja, terão os preços chegados ao fundo do poço? Bem, em reais por tonelada vimos no dia 19 de agosto o preço mais baixo desde 13 de junho de 2013: 798.98 reais por tonelada. O mais baixo preço dos últimos 3 anos ocorreu em 11 de maio de 2011 quando NY negociou a 20,94 centavos de dólar por libra-peso e o dólar a 1,6203. Por isso é importante analisar a trajetória de preços em reais para ter uma ideia de quão pressionado está o mercado. O fato é que estamos num nível extremamente baixo mesmo se considerarmos que algumas coisas podem fazer mudar significativamente a direção que o mercado de açúcar vai tomar".

Fonte: Biocana, Agência Udop, escrita por Rogério Mian